• Av. Conselheiro Rosa e Silva, 1460 - Salas 101/102
  • 81 3426.0126 - 8831.0734

Brackets Auto-ligados

Um bom ortodontista sempre busca um diferencial com o objetivo de oferecer um tratamento de excelência, em menor tempo possível e com número mínimo de consultas. Essa é a proposta dos brackets autoligados.

img 14

Desenvolvidos desde a década de 20 do século passado, ganhou força nos últimos anos com o advento de ligas de memória capaz de sofrer grande deflexão com baixíssimo nível de força. Tais brackets apresentam como diferencial um sistema de travamento metálico. Um Clip que pode ser passivo ou ativo, dispensando o uso de ligaduras metálicas e elásticas. A ligadura elastomérica, apesar do fator motivacional em adolescentes proporcionado pela customização das cores, é criticada por não inserir o fio totalmente dentro do slot do bracket, acúmulo de placa, deteriorização da capacidade elástica com o tempo e, principalmente pelo maior atrito gerado, implicando em uso de forças mais elevadas.

O uso de uma “trava metálica” além de pratico, proporcionando menor tempo de cadeira, e higiênico, permite a total e segura inserção do arco dentro do bracket, resultando em uma ativação mais eficiente. A principal vantagem entretanto, diz respeito ao mínimo de atrito encontrado, produzido uma movimentação mais rápida e uso de forças mais leves e biológicas.

img 15

São atribuídos a esse sistema outros benefícios, tais como: menor necessidade de extração; ganho de espaço por meio de expansão transversal significativa, dentre outros. Vale salientar que mais estudos do tipo longitudinais necessitam ser realizados, a fim de comprovar todas essas benesses. Sem dúvida, representa uma evolução, acompanhada de perto pela ciência e por mim também. Acredito que esse é o caminho...